Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2014

Desabilitando o auto commit no SSMS (SQL Server Management Studio)

(Ou, como prevenir desastres e manter o emprego a salvo…)Neste post vai uma pequena mas tremendamente útil dica para desabilitar o auto commit da aplicação SQL Server Management Studio (SSMS) que é usada por dez entre dez usuários do banco de dados SQL Server para fazer consultas, alterações e executar scripts no banco de dados. (Preferências à parte, realmente muita gente usa),A primeira e mais importante notícia é que, diferentemente da ferramenta do Oracle, este editor de scripts do SQL Server vem com o recurso de auto commit ativado por padrão, assim, qualquer instrução DML (alteração dos dados com update, insert e delete) ou DDL (alteração no banco como create, drop, alter, etc.) será imediatamente enviada ao banco e persistida.Isto pode ser altamente crítico pois se estiver executando as instruções em um banco de dados de produção não haverá muitas formas de desfazer se é que haverá.Inicialmente, pode se evitar muitos acidades executando estas instruções dentro de um bloco BEGIN…